Estratégias para inovar na gestão escolar

Tempo de Leitura: 4 min
Estratégias para inovar na gestão escolar - mulher ensinando na lousa

Muitos responsáveis pela gestão escolar ainda têm uma percepção equivocada ou até mesmo desproporcional a respeito do termo inovar.

No senso comum, inovação pode parecer demandar grandes investimentos, criatividade elevada, disrupções impactantes e a adoção da mais alta tecnologia. Mas isso não precisa ser assim.

Grandes inovações também se encontram nas pequenas coisas presentes na rotina escolar. Inovar é um processo constante e orgânico, que pode se traduzir em diferentes soluções.

Vimos recentemente, por exemplo, as mudanças e adaptações feitas pela área de educação diante da pandemia. Inovar, nesse contexto, significou se adaptar.

Mas, afinal, como promover a inovação na gestão escolar? É isso que iremos contar a seguir! Confira, no artigo de hoje, dicas simples, porém eficientes, que mostram que é possível inovar sob diferentes perspectivas e para o atendimento dos mais variados objetivos.

Boas práticas para inovar em sua gestão escolar

Entre outras coisas, o conceito de inovar está relacionado a promover uma mudança intencional e organizada para garantir eficiência, produtividade e conquista de novos clientes.


A inovação, portanto, ajuda as escolas a adquirirem poder competitivo para se manterem fortes no mercado.

Sabemos que o setor de educação, embora muito promissor, também é bastante competitivo, com um grande número de players e novos entrantes constantes.

Nesse contexto, para que as instituições de ensino permaneçam diferenciadas e garantam sua fatia desse mercado, inovar será preciso.

E, além do impulso trazido pela concorrência, há, ainda, o apresentado pelos pais e alunos, que buscam, cada vez mais, uma educação de excelência, com processos de ensino-aprendizagem modernos, boa infraestrutura, professores e instrutores competentes e cursos e materiais engajadores e qualificados.

Portanto, inovar não é apenas desejado - é imperativo para que seu polo educacional permaneça relevante e atrativo para seu mercado de interesse.

Quer saber como fazer isso? Aqui estão algumas dicas:

1. Incentive uma cultura de inovação

Pode parecer óbvio, mas o ato de inovar na gestão escolar não ocorre pontualmente. Não se pode simplesmente terceirizar uma equipe de inovação em gestão escolar e esperar que tudo seja resolvido sozinho.

O ambiente de ensino precisa, da gestão à linha de frente em sala de aula, de uma cultura organizacional que possa incentivar ciclos de experimentação de novas ideias.

Saber inovar é saber inspirar e permitir que ideias inovadoras sejam desenvolvidas e implementadas.

Somente num ambiente com essa abertura ao diálogo e à valorização das sugestões que toda a sua equipe poderá contribuir com propostas assertivas para inovar na gestão escolar.

Dessa maneira, experimente fazer reuniões para colher feedback, criar um programa de sugestões e mostrar para sua equipe pedagógica, comercial e administrativa que inovar é uma postura incentivada e bem-vinda em sua escola.

2. Busque inovar de diferentes maneiras em sua gestão escolar

Há diversos caminhos para uma escola inovar. Você pode combiná-los em uma estratégia poderosa ou criar um plano de implementação gradual, incluindo diferentes áreas e abordagens.

Podemos destacar, pelo menos, quatro tipos de inovações que são aplicáveis na gestão escolar:

  • Inovação de serviço: envolve a introdução de um novo serviço que melhora muito as práticas de gestão nas escolas. Por exemplo, a introdução de atendimento online para alunos, de matrículas via aplicativo, etc.

  • Inovação de processo: é a implementação de uma entrega de serviço nova ou aprimorada a partir de seus processos rotineiros. Ela tem como objetivo reduzir o custo unitário da prestação de serviços e melhorar ou aumentar a qualidade da entrega. Um exemplo típico desse tipo de inovação inclui o uso de novas metodologias de ensino em sala de aula.
  • Inovação de marketing: pode envolver desde a promoção de campanhas de captação de alunos nas redes sociais, a criação de conteúdos relevantes para um blog da sua instituição, o lançamento de lives no Instagram para divulgar seus cursos, entre outras iniciativas.
  • Inovação organizacional: envolve a implementação de um novo método organizacional nas práticas de gestão empresarial da escola. Esse tipo de inovação visa aumentar a satisfação da equipe e fornecer as ferramentas necessárias para que ela performe melhor e alcance suas metas.

3. Torne o que já é feito em sua escola ainda mais atrativo ao aluno

Muitas vezes na prática, inovar é executar aquilo que já faz parte do escopo de trabalho, mas de uma forma aperfeiçoada e mais moderna.

Por exemplo, o conceito de gamificação, isto é, utilizar mecânicas de jogos para incentivar o engajamento para a realização de alguma atividade, não é novo.

Mas aplicá-lo a um curso de aquisição de habilidades já ofertado ou em uma campanha de rematrícula pode ser algo inovador em sua gestão escolar.

4. Modernize a proposta pedagógica alinhando-a ao conceito Lifelong Learning

Outra opção para inovar em seu polo educacional é rever seu portfólio de cursos sob a perspectiva de uma curadoria alinhada ao conceito Lifelong Learning.

Por que isso pode ser inovador? Porque você estará criando uma estratégia muito eficiente para, posteriormente, reter seus alunos já captados, mantendo sua satisfação e seu relacionamento com a escola ao longo de sua trajetória de vida.

Assim, você pode criar diferentes propostas de trilhas formativas, voltadas para as necessidades de quem está em idade escolar, depois preparando-o para o mercado de trabalho, ajudando-o a se especializar em uma área em alta, a conquistar promoções em sua carreira ou, mesmo, a empreender, por exemplo.

5. Inove com a expansão e diversificação de cursos

O mercado de trabalho é cada vez mais dinâmico. Habilidades que serviam como diferencial há alguns anos - como digitação -, já foram superadas e outras novas são demandadas dos candidatos a novos postos de trabalho.

É importante que sua escola acompanhe esse movimento e também transforme seu portfólio de cursos.

É recomendado revisar constantemente os cursos livres e de aquisição de habilidades oferecidos, checando se eles ainda permanecem relevantes. Olhar também para o mercado e detectar novos cursos com alto potencial para diversificar a oferta em sua instituição de ensino.

E então, pronto para criar sua estratégia para inovar na gestão escolar? Para otimizar ainda mais esse trabalho, conheça a inovadora metodologia de ensino do Skill.Ed!


 


ÚLTIMAS NOTÍCIAS

CONFIRA A ESCOLA MAIS PRÓXIMA DE VOCÊ