Saiba como é investir em um licenciamento de marca

Tempo de Leitura: 3 minutos

O Brasil é considerado um país de empreendedores. A cada ano, milhares de pessoas de diferentes perfis, classes sociais e diversas faixas etárias decidem abrir o próprio negócio.

Porém, investir em um licenciamento de marca é uma forma de não apenas tornar esse sonho realidade, como também de comercializar produtos e serviços de uma marca já reconhecida no mercado.Com isso, o investidor encurta o caminho até o sucesso e reduz os riscos de começar um negócio do zero. Afinal, esse formato de negócio costuma oferecer mais segurança aos empreendedores, seja por meio do suporte ou do compartilhamento de know-how de uma grande empresa.

No segmento de educação, por exemplo, oferecer um método de aquisição de habilidades já estabelecido agrega maior credibilidade e atratividade para a captação e retenção de alunos. E isso é fundamental para desenvolver um polo educacional competitivo e rentável.

No artigo de hoje, apresentaremos algumas informações a respeito de como é investir em um licenciamento de marca para rentabilizar seu negócio. Acompanhe a seguir!

O que é licenciamento de marca?

O licenciamento de marcas é uma opção para o empreendedor que deseja ter o nome de uma grande empresa atrelado ao seu, mas sem perder a autonomia na administração do seu próprio negócio.

Nessa modalidade, o licenciador concede ao empresário o direito de usar a “bandeira” da marca na fachada. Isso permite que produtos e serviços próprios também sejam comercializados junto aos licenciados, desde que tenham relação à atividade-fim da empresa.

Por isso, o empreendedor que já possui um polo educacional apenas adquire o direito de vender os produtos e serviços de uma determinada marca, podendo personalizar o negócio conforme a sua realidade local. Além disso, ele recebe um auxílio que vai além dos materiais didáticos, incluindo treinamentos, campanhas de publicidade, suporte comercial, administrativo e pedagógico, por exemplo.

Fazer parte de uma grande rede por meio do licenciamento permite ainda que o empreendedor usufrua de uma grande oportunidade de lucratividade, segurança, estabilidade e credibilidade no mundo dos negócios.

Principais características do licenciamento de marca

O licenciamento de marca vai muito além da comercialização de um produto: é um compromisso no qual o empreendedor assume a tarefa de oferecer a mesma emoção, experiência e percepção de qualidade que a marca licenciadora desperta em cada cliente.

Trata-se também de um ato contratual, por meio do qual o licenciador arrenda os direitos de uma propriedade intelectual já protegida.

No entanto, embora a empresa matriz estabeleça diretrizes para a comercialização, o empreendedor tem autonomia na gestão da unidade licenciada e tem liberdade criativa para operá-la e fazer as mudanças que achar necessárias.

Qual é a diferença entre licenciamento de marca e franquia?

Trabalhar a própria marca até que ela se consolide exige tempo, conhecimento em gestão e investimento. Por esse motivo, utilizar uma marca forte e reconhecida é uma boa opção para quem deseja encurtar a distância até o sucesso. Afinal, nesses casos, a marca já foi previamente testada no mercado, aprimorou processos e tornou-se conhecida, o que facilita - e muito - os resultados do negócio.

Porém, na hora de decidir a melhor forma de expandir seu negócio por meio de relações comerciais, o empreendedor se depara com alguns modelos que permitem a comercialização de produtos de uma marca já reconhecida: o licenciamento de marca e a franquia.

Sucintamente, as principais diferenças entre os modelos são:

  • Licenciamento: há isenção de taxa de adesão à marca, maior liberdade criativa, contrato de curta duração, transferência do direito de uso da marca, rapidez e facilidade para início do uso da marca licenciada.
  • Franquia: há o pagamento de taxa de franquia para adesão, padrão da marca, contrato de maior duração, transferência de manuais de operação e negócio mais formatado.

Ao decidir investir em um licenciamento de marca, é importante apostar em uma marca forte, de fácil implementação e de alta lucratividade. Por isso, considere apostar em um modelo de negócio relevante no contexto atual da sociedade e que preze pelo desenvolvimento de habilidades que acompanhem as pessoas por toda a vida, fornecendo oportunidades contínuas de negócio.

E você, já conhecia o modelo de licenciamento de marca? Quer saber mais a respeito? Então não deixe de ler também o artigo que preparamos com mais detalhes sobre as diferenças de investimento entre franquia e licença. Até a próxima!


ÚLTIMAS NOTÍCIAS